Bantha Rider – Bantha Rider (2017)

a3690226463_16

Facebook / Bandcamp

Bantha Rider é uma banda polonesa da cidade de Varsóvia que lançou neste mês seu Ep de estréia auto intitulado. A banda possui uma característica que me deixou completamente curioso antes mesmo de escutar o EP, ela tem todo um lado conceitual ligado à saga Star Wars. Sim, uma das sagas mais clássicas da história do cinema mundial é a fonte inspiração deste power trio polonês e o resultado foi algo que me agradou.

A banda aposta em uma abordagem Instrumental que combina o Stoner e o Sludge, repleta de riffs marcantes e uma dinâmica que consegue se manter empolgante nas quatro faixas existentes no EP. Apesar da banda apostar em uma moldagem mais tradicional e não possuir uma ambição grandiosa musicalmente,  a música da Bantha Rider é algo agradável e de fácil assimilação. A faixa de abertura “Sandcrawler” possui um apelo que remete aos clássicos do Stoner Rock e funciona muito bem para introduzir o ouvinte ao que virá a seguir no EP. O momento de maior destaque no EP sem dúvidas é a épica “Jawa Juice”, faixa mais extensa do trabalho e onde a banda promove uma série de progressões interessantes.

Acho que a grande virtude do trabalho é a forma como a música feita pela Bantha Rider vai instigar aos ouvintes que apreciam a saga Star Wars a imaginar uma jam frenética de Stoner Rock acontecendo nos desertos de Tatooine, enquanto Tusken Riders munidos de bongs em suas mãos tem um divertimento sincero em meio aos Banthas e outras criaturas do planeta. E mesmo que você não seja um fã de Star Wars o EP é algo que merece ser ouvido, pois a sonoridade da Bantha Rider vai dentro do mais tradicional e agradável dos gêneros. Venha para o lado chapado da força!

Tracklist:
01 – Sandcrawler
02 – Uta tuta Solo (Greedo’s Funeral)
03 – Jawa Juice
04 – Sarlacc’s Pit

Bantha Rider:
Bart – Baixo
Art – Bateria
Krzysiek – Guitarra

Anúncios

Uma opinião sobre “Bantha Rider – Bantha Rider (2017)”

  1. Bantha Rider is a Polish band from the city of Warsaw who released this month their self titled Ep. The band has a characteristic that made me completely curious before even listening to the EP, it has a whole conceptual side connected to the Star Wars saga. Yes, one of the most classic sagas in the history of world cinema is the inspiration source of this Polish power trio and the result was something that pleased me.

    The band bets on an instrumental approach that combines Stoner and Sludge, full of striking riffs and a dynamic that can remain exciting in the four tracks on the EP. Although the band bet on a more traditional molding and not have a grandiose ambition musically, Bantha Rider’s music is something pleasant and easy to assimilate. The opening track “Sandcrawler” has an appeal that refers to the classics of Stoner Rock and works very well to introduce the listener to what will come next in the EP. The moment of greatest prominence in the EP without doubt is the epic “Jawa Juice”, longest track of the work and where the band promotes a series of interesting progressions.

    I think that the great virtue on the work is how Bantha Rider’s music will instigate listeners who appreciate the Star Wars saga to imagine a frantic Stoner Rock jam going on in the deserts of Tatooine while Tusken Riders with bongs in their hands has a sincere amusement among the Banthas and other creatures of the planet. And even if you’re not a fan of Star Wars the EP is something that deserves to be heard, as the sound of Bantha Rider goes within the most traditional and enjoyable of genres. Come to the Stoner side of the force!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s